terça-feira, 15 de abril de 2014

RN receberá quase 9 mil toneladas de milho

milho jardimNo dia 23 de abril, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) realiza uma operação de compra com redução simultânea de 60 mil toneladas de milho para abastecimento de criadores de pequeno porte de aves, suínos, bovinos, caprinos e ovinos da região da Superitendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene).
No Rio Grande do Norte, 7 municípios serão contemplados com a entrega de 8,7 mil toneladas do produto. Estão incluídos Mossoró, Assu, Currais Novos, João Câmara, Caicó, Natal e Umarizal.
Fonte: Robson Pires 

Ipanguaçu terá eleições no dia 1º de junho

urna_confirmaA Corte do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte – TRE-RN, publicou no Diário da Justiça Eletrônico desta terça-feira, 15, a Resolução 005, que fixa a data de 1° de junho de 2014 e aprova as instruções para a realização de novas eleições para os cargos de prefeito e vice-prefeito do município de Ipanguaçu.
O Tribunal entende que não existe mais provimento jurisdicional tendente a suspender os efeitos do acórdão, uma vez que já foi publicado, em 11 de abril último, o resultado do julgamento dos embargos de declaração, não mais subsistindo, portanto, os efeitos de decisão liminar concedida pelo Ministro João Otávio de Noronha.

Mossoró: juiz indeferiu pedido de candidatura de Cláudia Regina

claudia cassação
O juiz da 33ª Zona Eleitoral, Herval Sampaio, indeferiu o pedido de registro da candidatura de Cláudia Regina (DEM) na eleição suplementar de Mossoró. O magistrado citou que houve “ausência de condição de elegibilidade infraconstitucional, a partir de inelegibilidade configurada em diversos processos eleitorais relativos às eleições anuladas”.
Por Robson Pires 

Rosalba participa de Fórum da Revista Exame‏ em Salvador

z106A Governadora Rosalba Ciarlini participou, na tarde desta terça-feira, 15, do “Fórum Nordeste: Os Próximos Desafios”, promovido pela revista Exame, da Editora Abril, uma das mais respeitadas publicações sobre economia do Brasil. Acompanharam a Governadora no evento o Secretário de Desenvolvimento Econômico, Sílvio Torquato, e de Comunicação, Paulo Araújo.
A Chefe do Executivo potiguar participou de uma mesa redonda sobre os desafios para reduzir a desigualdade e aumentar a produtividade com o Governador da Bahia, Jacques Wagner, e da Paraíba, Ricardo Coutinho. O debate foi mediado pelo jornalista Andre Lahoz, diretor de redação da Exame.
Na sua fala, a Governadora listou as iniciativas que o Governo do Estado tem feito nos últimos três anos no sentido de atrair investimentos privados no RN (de 2011 para cá, 18 novas empresas se instalaram no território potiguar) por meio dos três programas de incentivos fiscais e as parcerias público-privadas realizadas no estado, entre os quais a Arena das Dunas, o Aeroporto de São Gonçalo do Amarante e as Zonas de Processamento de Exportação de Macaíba e do Sertão, que será inaugurada em maio.
Por Robson Pires 

Potiguar Flávio Rocha diz que apoiará Eduardo Campos

Deu no Cláudio Humberto: Via Robson Pires
flavio rocha
Dilma recebeu empresários no Alvorada, há dias, e pediu apoio. Ouviu a franqueza do ex-deputado Flávio Rocha, dono das lojas Riachuelo: “Sou nordestino, presidenta, estou fechado com Eduardo Campos”.

Coligação PMDB/PR/PSB deve ficar com a maioria da bancada federal

A aliança em torno do pré-candidato ao governo pelo PMDB, Henrique Alves, pode eleger até seis deputados federais na chapa proporcional. Se conseguir o sétimo, praticamente fecha a conta que são de oito cadeiras.
Por Robson Pires 

Remédio em desenvolvimento no Brasil pode combater o Parkinson

20140414214358754887aUm medicamento que combate efeitos colaterais do tratamento do mal de Parkinson poderá ser colocado à venda no Brasil a partir de 2016. A droga está em fase de desenvolvimento na Universidade de São Paulo (USP) em Ribeirão Preto, no interior do estado. Já foram feitos testes em ratos. Na etapa atual, os experimentos são realizados em macacos. “É a última parte da pesquisa antes de passarmos às provas com seres humanos”, diz a professora Elaine Del-Bel, do Departamento de Morfologia, Fisiologia e Patologia Básica da Faculdade de Odontologia da universidade.
O medicamento em teste reduz os tremores, que ocorrem principalmente nas mãos, em pacientes com a doença. A droga auxilia o organismo a evitar a perda de neurônios que produzem uma substância responsável pela comunicação entre as células nervosas. Os efeitos do tratamento, conforme a professora, geralmente aparecem entre quatro e 10 anos de uso da droga que combate a doença. A expectativa de Del-Bel, doutora em farmacologia, é que os testes em humanos comecem entre seis meses e um ano.